facebook INSTA

O ataque ao ensino técnico

Ao longo dos anos a educação vem recebendo ataques impiedosos de governos neoliberais, que apesar de se revezarem no poder, mas tem sempre o mesmo propósito, o de acabar com a educação pública, gratuita e de qualidade. Evidenciado nos ataques à educação do governo Dilma (PT), que em 2015 cortou cerca 13 bilhões do Ministério da Educação. Herdando o mesmo pensamento, Michel Temer (MDB) estabelece a ideia do congelamento de gastos do setor publico por vinte anos, que está em vigor como Emenda Constitucional 95, com o intuito de diminuir os investimentos públicos.

 

Jair Bolsonaro (PSL) e sua corja de abutres que cada vez mais mostram sua verdadeira face abraçam os ataques anteriores ao atacar o direito do povo brasileiro sempre procurando uma maneira de sequestrar o que é do setor público, inibindo assim, o país de se desenvolver.

 

O ministro da economia Paulo Guedes quer apresentar uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que desvincula 100% dos gastos do Orçamentopara a educação e a saúde. A proposta retira da Constituição Federal, como estabelecido hoje, que a União deve investir na Manutenção e Desenvolvimento do Ensino (MDE) o equivalente a 18% da Receita Líquida de Impostos e também as Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS) de 15% da Receita Corrente Líquida. O intuito é o de entregar para o setor especulativo, que não produz exatamente nada, a não ser, o pensamento individualista, que muito se assemelha com esse governo que pode muito bem ser intitulado o governo do retrocesso.

 

Mas, além disso, havia um Projeto de Lei criado no final do mandato de Temer que tem o propósito de atacar os Institutos Federais. O Projeto de Lei 11.279/19 altera a Lei nº 11.892/2008 que rege instituições federais de educação profissional e tecnológica e de ensino superior.

 

Tudo mascarado por uma temática de investimento, crescimento social e a construção de novas Universidades Federais no alto e baixo amazonas e do meio e alto Solimões, para os estudantes e moradores que residem em áreas carentes do território brasileiro. Mas no PL não havia uma explicação concreta que dizia o quanto seria o investimento, para que assim, houvesse a construção e continuidade desses novos campus.

 

O Projeto tinha o intuito de promover o desmembramento dos IF´s, o que tem grande importância para São Paulo, como por exemplo, o IF São Paulo, que é localizado no centro da capital e tem sua importância por dar o pontapé inicial dos institutos no município, mas também o IF Pirituba que tem o dever de levar o desenvolvimento para uma área carente de evolução social e econômica, com cursos técnicos e superiores, além de mais dois existentes na Bahia com a mesma relevância de construção do Estado.

 

A Lei queria acabar com o mestrado e doutorado acadêmicos nos institutos e com 20% das cotas para a formação de professores da educação básica, além de diminuir as vagas ensino médio integrado ao técnico para o aumento de vagas para somente o ensino técnico.

 

Na segunda feira, 18 de março, o Projeto de Lei foi retirado de tramitação da câmara. Mas era evidente que com a Emenda que congela o investimento público, o nosso ensino técnico não iria receber a verba adequada para a construção dos novos institutos, que ficariam como outros investimentos, pela metade e outros sendo danificados.

 

O governo Bolsonaro consegue ser ainda mais reacionário que o governo Temer, então as perspectivas para um novo projeto que ataque ainda mais o ensino técnico são grandes, podemos usar como exemplo a proposta da reforma da previdência de Bolsonaro, que é muito pior que a de Temer.

 

Os estudantes mais uma vez se levantam e sempre irão se levantar em quanto houver pensamentos antipopulares e antinacionais, envoltos de crueldades atacando o que o povo brasileiro conquistou. É através de cada estudante que se levanta que conseguiremos defende a pátria, o direito à democracia, pluralidade de ideias e paz dentro de nossas escolas, junto à busca pela escola pública gratuita e de qualidade para que haja o desenvolvimento do nosso país.

 

Carteirinha da UMES

 

Doc Estudante 2019 UMES fte Alta Cartaz
 

 

Informações

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

 

 

Parceiros 

sptrans

 

  

casa mestre ananias

 

 

 

Fique bem informado

 

hp

 

 

icone-apeoesp

 

 

icone-campanha-educacao

  

  

cropped-capasitecomite-1

Comitê de Luta pela 
Educação Sem Censura

 

   

portal do bixiga

 

 

logo anpof2

Associação Nacional de

Pós-Graduação em Filosofia

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив