facebook INSTA

Professores de São Paulo iniciam greve em abril por reajuste salarial integral

Os professores da rede pública do estado de São Paulo aprovaram, em assembleia que reuniu cerca de 5 mil servidores nesta sexta-feira, greve a partir do dia 19 de abril. Na mesma data, para marcar o início da Campanha Salarial, será organizada uma nova assembleia no vão livre do Masp, na Avenida Paulista, que seguirá em passeata até à Praça da República.

No último dia 12, a diretoria da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) se reuniu com o secretário de Educação e mais uma vez entregou a pauta dos professores. Segundo a entidade, o Governo não respondeu a nenhuma das reivindicações.

Em relação aos reajustes salariais, os professores reivindicam a recomposição do reajuste de 2012, uma vez que não foi cumprido o total do reajuste aprovado em lei no ano de 2011. “O reajuste de 10,2% concedido em 2012 contém 5% que já estavam previstos na lei complementar 1107/2010, como parcela da incorporação da GAM (Gratificação por Atividade de Magistério). Ou seja, nosso reajuste, de fato, foi de apenas 5% em 2012”, afirma a presidente da Apeoesp, Maria Izabel Azevedo Noronha, Bebel. Na lei estadual (1143/2011), que trata do reajuste salarial do magistério, estão previstos os reajustes dos professores até 2014, sendo 10,2% em 2012, 6% em 2013 e 7% em 2014, e mais a incorporação da GG (Gratificação Geral).

Além da recomposição do reajuste de 2012, os professores reivindicam um novo reajuste para este ano, de 36,74%, referente às perdas salariais desde 2008. De acordo com a própria lei do governo estadual (Artigo 5º), fica estabelecido que “haverá, anualmente, processo de negociação entre Governo do Estado e as entidades representativas dos integrantes das carreiras do magistério para que se avalie o plano salarial estabelecido na presente lei”.

Bebel afirma que “essa lei definiu a constituição de uma comissão salarial paritária para discussão da adequação desta política ao comportamento da inflação, mas a comissão sequer foi convocada pelo governo”.

A presidente destaca a desvalorização permanente que os professores vêm sofrendo com a redução das despesas da Secretaria da Educação com pessoal: “Em 1998, a secretaria investia 88,4% do seu Orçamento com despesas com pessoal, sendo 57,6% com servidores em exercício e 30,8% com aposentados e pensionistas. Em 2011 o quadro foi substancialmente alterado. As despesas com pessoal correspondiam somente a 61,6%, sendo 40,6% com servidores em exercício e 21,0% com aposentados e pensionistas”.

Além dos reajustes, a categoria também reivindica, entre outros pontos, o cumprimento da lei nacional do piso, que determina que no mínimo 33% da jornada de trabalho seja destinada a atividades de formação e preparação de aulas; e dignidade na contratação dos professores da categoria O (temporários sem estabilidade), que são impedidos, inclusive, de utilizar atendimento pelo IAMSPE (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual).

 

Fonte: Jornal Hora do Povo e Apeoesp 

 

Carteirinha da UMES

 

Doc Estudante 2019 UMES fte Alta Cartaz
 

 

Informações

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

 

 

Parceiros 

sptrans

 

  

casa mestre ananias

 

 

 

Fique bem informado

 

hp

 

 

icone-apeoesp

 

 

icone-campanha-educacao

  

  

cropped-capasitecomite-1

Comitê de Luta pela 
Educação Sem Censura

 

   

portal do bixiga

 

 

logo anpof2

Associação Nacional de

Pós-Graduação em Filosofia

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив