Encontros regionais para discutir reorganização do governo de SP são para “inglês ver”

Manifestação de estudantes realizada em outubro de 2015 (foto: Territorio Livre)

 

“Está provado que os estudantes, os professores e a sociedade foram contra a reorganização de Alckmin. Mas o governo já começou 2016 fechando milhares de salas, cancelando turnos e matrículas, cortando até a merenda. Isso não é atitude de quem quer dialogo”, afirmou o presidente da UMES, Marcos Kauê, sobre o anuncio feito na semana passado pelo governo de São Paulo sobre os 15 encontros regionais organizados nas escolas do Estado com o objetivo de levar adiante o projeto de reorganização, que a principio previa o fechamento de 94 escolas e a transferência forçada de mais de 300 mil estudantes.

 

Para Kauê a proposta de Alckmin é apenas maquiagem para a proposta passar pela Defensoria Pública e pelo Ministério Público de São Paulo, que exigiu explicações sobre o projeto. “Ele quer fechar as escolas baseado em 15 encontros sem representatividade, mobilização e organizados sem critério. É um encontro para inglês ver. Como falávamos em 2016: ‘se fechar a gente ocupa!’”, disse o líder estudantil ao explicar que o governo se recusa a ouvir que a sociedade já recusou o projeto.

 

Para ele o governo quer apenas cortar mais dinheiro da educação. “Esse ano o corte foi de 1,5 bilhão na secretaria de Educação e o resultado já está aparecendo: mais de mil salas fechadas, corte na merenda e também cortou as impressoras das escolas. Se o governo quisesse estruturar as escolas e para isso fosse realmente necessário dividi-las em ciclo único, porque as escolas de ciclo único que existem no estado ainda estão abandonadas”, questionou, citando escolas como a E. E. Dom Pedro na zona leste da cidade, que atende apenas o ensino médio.

 

Para a diretora da UMES, Keila Pereira, responsável pela região sul, “Alckmin pensa que o estudante é bobo e não estaria esperando por isso... Desde o pronunciamento que deu dizendo que buscaria o diálogo com os alunos, pais e comunidade, sabíamos que seria de qualquer jeito. Afinal, o que esperar de um governo que fala em fechar escola, que fecha salas, que não respeita professor, não melhora o ensino em nada e deixa aluno sem merenda? A Reorganização se trata apenas de um papel que legaliza tudo aquilo que ele já tem feito: sucatear a educação pública! Agora, não podemos deixar que esse papel seja assinado quando vemos que a opinião pública anda sendo manipulada através de cargos comissionados e grêmios aparentes.”

 

O primeiro encontro será realizado no próximo dia 10 na cidade de Bauru. As demais agendas ainda não foram divulgadas. 

 

Carteirinha da UMES

 

icone-carteirinha-umes

 

icone-guia-de-descontos-umes

 

 

 

Informações

 

icone-gremio-estudantil

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

 

 

Parceiros

 

sptrans

 

 

logo zumbi faculdade comunitaria

 

 

casa mestre ananias

 

 

 

Fique bem informado

 

hp

 

 

icone-apeoesp

 

 

icone-campanha-educacao

 

 

portal do bixiga

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив