facebook INSTA

Recursos do orçamento vão para juros e não para serviço público

As últimas manifestações em São Paulo e no Brasil, que demonstraram a insatisfação da população com os altos preços das tarifas de transporte, assim como a falta de investimentos em setores fundamentais como transporte, saúde e educação, trouxeram à sociedade um importante debate: Para onde vai o dinheiro?

Conforme matéria divulgada no site Auditoria Cidadã da Dívida, “todo ano, sob a justificativa de pagar uma dívida com a União, a prefeitura de São Paulo gasta R$ 3 bilhões e o governo do Estado de SP mais de R$ 10 bilhões, ainda que tais dívidas sejam fortemente questionáveis”, num processo onde a dívida em vez de diminuir, cresce cada vez mais.

No caso da Prefeitura de São Paulo, “a dívida refinanciada pela União em 2000 era de R$ 11 bilhões, e mesmo tendo sido pagos à União R$ 19,5 bilhões, essa dívida atingiu absurdos R$ 53 bilhões em 2012. Em diversas vezes Haddad chegou a falar que tal dívida é ‘impagável’ e ‘insustentável’”.

De acordo com a economista Maria Lucia Fattorelli, em estudo recém-lançado (Auditoria Cidadã da Dívida dos Estados), este processo de “quanto mais se paga mais se deve” decorre principalmente da aplicação de juros sobre juros sobre os saldos destas dívidas, o que já foi considerado ilegal pelo Supremo Tribunal Federal, em sua Súmula 121. (Clique aqui e veja a entrevista com a economista).

 

DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL

A matéria ressalta ainda que os pagamentos feitos pelo Município e Estado de São Paulo à União são destinados pelo governo federal exclusivamente para o pagamento da também questionável dívida pública federal.

No ano passado (ver banner da página inicial do site e na figura abaixo), 43,98% do orçamento foi confiscado para o pagamento de juros e amortizações da dívida. Enquanto isso, foram destinados apenas 0,7%, para o Transporte, 3,34% para a Educação, 4,17% para a Saúde, e apenas 0,02% para Esporte e Lazer.

Na última sexta-feira, a presidente Dilma Rousseff fez um pronunciamento afirmando que irá realizar um pacto nacional visando à melhoria dos problemas que atingem toda a população.

Com esses dados, podemos ver que para resolver os problemas será necessário reverter essa lógica de priorizar o pagamento aos bancos. Para se ter uma ideia, entre janeiro de 2011 a abril de 2013 foram desviados para a reserva dos juros – o "superávit primário" do governo federal - R$ 305 bilhões (R$ 304.996.588.916) que estavam destinados às "despesas primárias" do governo federal (Saúde, Educação, Transportes e as demais despesas não-financeiras), além dos outros. No mesmo período, a soma total do que foi pago aos bancos pelo governo federal foi de R$ 448 bilhões (448.178.902.484).

Além disso, há o problema da desoneração e benefícios fiscais. Só neste ano, foram concedidos em 170 bilhões (R$ 170.015.969.718). Essas desonerações só servem para aumentar a margem de lucros dos monopólios privados, na sua maioria multinacionais, como no caso das desonerações concedidas à indústria automobilística, à "linha branca", às empresas de telecomunicações, entre outros.

Ou seja, a maior parte do orçamento é confiscada para o pagamento de juros, desonerações, esmagamento dos Estados e municípios e contingenciamento sistemático das verbas orçamentárias. Para que possa ser solucionado o problema desses setores – Transporte, Educação, e Saúde – é preciso pôr fim a essa drenagem de recursos, investindo de fato no serviço público.

 

 

Informações: Auditoria Cidadã da Dívida e Hora do Povo

Carteirinha da UMES

 

Doc Estudante 2019 UMES fte Alta Cartaz
 

 

Informações

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

 

 

Parceiros 

sptrans

 

  

casa mestre ananias

 

 

 

Fique bem informado

 

hp

 

 

icone-apeoesp

 

 

icone-campanha-educacao

  

  

cropped-capasitecomite-1

Comitê de Luta pela 
Educação Sem Censura

 

   

portal do bixiga

 

 

logo anpof2

Associação Nacional de

Pós-Graduação em Filosofia

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив