facebook INSTA

Vândalos depredam terminal Parque D. Pedro II e impedem retorno de trabalhadores às suas casas

Protesto convocado pelo Movimento Passe Livre (MPL) na noite da última sexta-feira (25) no centro da capital paulista terminou com a invasão e depredação do Terminal Parque Dom Pedro II. Desrespeitando totalmente aos trabalhadores que necessitavam do transporte público, grupos de vândalos destruíram ônibus e impediram que a população retornasse para casa após um dia de trabalho.

Os manifestantes e integrantes do MPL saíram em passeata pelas ruas do centro da cidade em protesto por melhorias do transporte público. A manifestação teve início no Teatro Municipal e de forma pacífica por todo o trajeto, só tomou proporções violentas por volta das 20h20, quando um grupo de pessoas invadiu o Terminal Dom Pedro II.

Dentro do terminal, os intitulados black blocks destruíram ônibus, catracas, painéis informativos. Uma loja de recarga de aparelhos celulares foi saqueada. Também foram destruídos caixas eletrônicos existentes dentro do terminal.

Os black blocks além de não ajudar em nada o povo em sua batalhar árdua pelo transporte público de qualidade e que atenda as demandas necessárias agrediram ainda o coronel da PM Reynaldo Simões Rossi. Ele teve a clavícula quebrada e muitas escoriações na região da face e cabeça, sendo socorrido ao Hospital das Clínicas juntamente com seu auxiliar, soldado da PM que teve ferimentos. Ainda assim, o coronel, que estava armado, não reagiu, orientando seus subordinados a manter a calma ao lidar com os manifestantes.

“Desde o início da manifestação foi percebida a presença de integrantes ‘black blocs’ que gritavam palavras de ordem contra a PM, bem como tentavam provocar os PMs a alguma reação violenta para fins midiáticos”, afirmou a PM, em nota.

Os baderneiros também depredaram a subprefeitura da Sé na rua Álvares Penteado e alguns mascarados roubaram cerca de R$ 1.500 de uma cabine no terminal.

O ato organizado pelo MPL foi o encerramento de uma semana de protestos no interior das regiões da capital para pedir tarifa zero no transporte público e a volta de linhas de ônibus extintas na periferia. Na segunda-feira, o grupo apoiou revindicações de moradores no M’Boi Mirim, na quarta-feira, no Grajaú, e na quinta-feira, no Campo Limpo O MPL disse que o ato que fechava a “Semana de Luta por Transporte Público”.

Ao menos 78 pessoas foram detidas e encaminhadas para o 2º distrito policial, no Bom Retiro, e para o 78º DP, nos Jardins. Somente após as 22 horas, o terminal pode ser utilizado pela população.

 

Fonte: Hora do Povo – Edição 3.199

Carteirinha da UMES

 

Doc Estudante 2019 UMES fte Alta Cartaz
 

 

Informações

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

 

 

Parceiros 

sptrans

 

  

casa mestre ananias

 

 

 

Fique bem informado

 

hp

 

 

icone-apeoesp

 

 

icone-campanha-educacao

  

  

cropped-capasitecomite-1

Comitê de Luta pela 
Educação Sem Censura

 

   

portal do bixiga

 

 

logo anpof2

Associação Nacional de

Pós-Graduação em Filosofia

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив