facebook INSTA

"Se educação é um direito, ela tem que ser de qualidade", defendem estudantes

Os estudantes presentes no 23º Congresso da UMES se reuniram em três salas para debater e definir  propostas de Educação, Cultura e Movimento Estudantil.

Para muitos deles, participar do encontro significa a “confiança para acreditar que um Brasil melhor é possível”, segundo palavras de Luiz Gustavo Vianna, da ETEC Tereza Nunes, na zona leste da cidade.

“Os estudantes estão acostumados com uma escola ruim, mas estar aqui é entender que outra realidade é possível. Eu mesmo achei que nunca me interessaria por política, a campanha da mídia é pesada para isso e eu mesmo me deixava influenciar. Conhecer a UMES este ano renovou minhas esperanças. Vendo tanta gente junta querendo mudar me deu confiança para 

acreditar em um Brasil melhor”, afirmou o estudante que é presidente do grêmio da sua escola e participava do debate de Educação.                                                                      

 

“Todo esse processo de organização do congresso foi uma imensa mobilização na minha escola. Foi a partir da visita da UMES que montamos o grêmio, inclusive. Estamos aqui para defender que se a educação é um direito, ela tem que ser de qualidade”, convocou July Silva, que é 1ª Secretária do Grêmio da EE Brigadeiro Gavião Peixoto, na Zona Oeste da cidade. July participou e contribuiu com o debate de Cultura.

 

July, do Brigadeiro Gavião Peixoto

 

 

“Vim com uma ideia pra cá, mas vou voltar com a ideia de muitos”, disse Vitor Marinatto,

estudante da EE Oswaldo Cruz, na região central.

“A partir de agora muita coisa vai mudar. Eu vou poder mudar. Principalmente por compreender o papel que organizações como o grêmio estudantil e a UMES podem cumprir. Este debate que está acontecendo agora, onde cada um pode expor as suas ideias é raro, uma coisa que faz falta”, disse se referindo ao debate de Movimento Estudantil, do qual participava.

                                                                                                                                                                                    

                                                                              

"Já estávamos nos organizando para o congresso há alguns meses e estar aqui e ver tudo realizado é muito bom. Estamos aqui para votar e contribuir com as bandeiras que a UMES vai defender nos próximos dois anos de gestão e com esse primeiro passo, mudaremos o paradigma dos estudantes dentro da escola”, contou João Vitor Nunes, que é Tesoureiro do grêmio da EE Alberto Cardoso. João agitou o debate de Cultura no congresso.

 

João Vitor, do Cardoso

Carteirinha da UMES

 

Doc Estudante 2019 UMES fte Alta Cartaz
 

 

Informações

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

 

 

Parceiros 

sptrans

 

  

casa mestre ananias

 

 

 

Fique bem informado

 

hp

 

 

icone-apeoesp

 

 

icone-campanha-educacao

  

  

cropped-capasitecomite-1

Comitê de Luta pela 
Educação Sem Censura

 

   

portal do bixiga

 

 

logo anpof2

Associação Nacional de

Pós-Graduação em Filosofia

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив