facebook INSTA

Agressão ambiental da Chevron no Equador é exposta na Alemanha e em El Salvador

A embaixada do Equador em Berlim, capital da Alemanha, inaugurou, na terça, uma amostra fotográfica do desastre causado a esse país pela norte-americana Chevron, na época Texaco.

Imagens das graves consequências da contaminação com petróleo feita por essa companhia foram apresentadas em uma exposição de 31 fotografias sob o título "A mão suja na Amazônia equatoriana".

O embaixador de Quito em Berlim, Jorge Jurado, explicou que 30 mil pessoas da Amazônia equatoriana iniciaram há 10 anos uma ação contra a Chevron-Texaco, que explorou o petróleo durante 20 anos nessa região. Acrescentou que a companhia foi a responsável pelo derramamento de não menos de 71 milhões de litros de resíduos de hidrocarbonetos e 64 milhões de petróleo cru em mais de dois milhões de hectares da selva equatoriana. Foi projetado ainda o documentário "A verdade sobre a Chevron na Amazônia equatoriana", que explica o acontecido no nordeste desse país.

Em 13 de novembro último, o governo do Equador reconheceu a legitimidade da decisão emitida pela Corte Nacional de Justiça (CNJ), que ordenou à petroleira membro do cartel Chevron-Texaco pagar nove bilhões 511 milhões de dólares pelos danos ambientais ocasionados entre os anos 1964 e 1990.

O desastre provocado pela multinacional foi denunciado também na capital de El Salvador. A mostra de fotografias foi inaugurada na terça-feira pelo embaixador equatoriano, Segundo Andrango, em um ato no Museu Nacional de Antropologia Doutor David J. Guzmán (MUNA).

O diplomata advertiu que nos últimos dias foram testemunhas de "como a Corte Permanente de Arbitragem de Haia trabalha e atua para favorecer o capital das empresas multinacionais e contra o bem-estar humano e global".

No ato estiveram presentes membros do corpo diplomático, equatorianos residentes em El Salvador, personalidades e membros de um comitê de solidariedade com o Equador recentemente criado por iniciativa da deputada Lourdes Palácios da Frente Farabundo Marti para a Libertação Nacional, FMLN.

 

Fonte: Hora do Povo - Edição 3.206

Carteirinha da UMES

 

Doc Estudante 2019 UMES fte Alta Cartaz
 
 

Cultura

 

CPCUmesFilmes Logo fundo branco

 

  

Parceiros 

sptrans

 

  

casa mestre ananias

  

 

Fique bem informado

 

hp

 

 logo

 

 

jornaldausp

 

 

 portal do bixiga 

 

 

pornoimpala.info pornopingvin.com
Yurtdışı Eğitim Makedonya Avrupa Üniversitesi Makedonya Eğitim Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Saraybosna Üniversitesi Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Bosna Hersek Üniversiteleri Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Travnik Üniversitesi Saraybosna Üniversiteleri Makedonya Üniversiteleri Struga Üniversitesi Kiril Metodi Üniversitesi Bulgaristanda Eğitim Bulgaristanda Eğitim Bulgaristan Üniversiteleri Bulgaristan Üniversitesi Bulgaristan Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukrayna Üniversiteleri Ukraynada Üniversite Ukrayna Üniversiteleri Malta Dil Okulları Gürcistan üniversiteleri Gürcistan Eğitim Malta Dil Okulu Malta Nerede ingiltere Dil Okulları ESE Malta Dil Okulu Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив Лазерна Епилация Пловдив